sábado, 22 de fevereiro de 2014

05 - IN MEMORIAM + Al-Mu´tamid




I

Quando soube de ti, 

era tarde demais 

para te conhecer! 



Quando soube de ti, 

era tarde demais 

para ouvir-te cantar!... 



Quando soube de ti, 

era tarde demais, 

tarde demais, em Beja? 




II 


Que jardins perfumaram 

a sombra enamorada 

de sonho e meio-dia? 



Que enfeitiçadas sedes 

mitigaram as fontes 

de espanto e sedução? 



Que inseguros trinados 

ensaiaram felizes 

hinos de primavera? 



Que ilusão me embriaga 

de respirar os ares 

que respiraste um dia? 




III 


Nos lábios de romã 

da doce Xerazade 

o dulçor dos teus versos… 



Os poentes de sangue 

entardecem ainda 

a tua amada Beja… 



Nas auroras de Maio, 

os campos em promessa 

da tua amada Beja… 




IV 


Enquanto houver memória 

de Vida e Poesia, 

nunca é tarde demais 

na tua amada Beja! 



Que por ti e por nós, 

assim seja, Poeta! 





José-Augusto de Carvalho 
29 de Janeiro de 2014. 
Viana * Évora * Portugal

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

05 - IN MEMORIAM * Poeta ZéFerro




A notícia chegou no poema.

Quando, em verso, se fala de morte,

há um barco buscando outro Norte

e é, no Hades, Caronte quem rema.



Só em verso se chora o desgosto

do poeta que vai de viagem.

Leva sonhos de luz na bagagem

e orvalhadas auroras no rosto.



Vai na busca dum outro poema,

mais além, nos azuis do infinito,

onde tudo é total e sereno.



Do meu chão, com olor de alfazema,

este adeus derradeiro e constrito

do meu braço a doer num aceno.





José-Augusto de Carvalho
17 de Fevereiro de 2014.
Viana * Évora * Portugal

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

04 - PÁTRIA TRANSTAGANA * Alvorecer



Quando ainda mal clareia,

já a cotovia canta

a matinal melopeia

que do leito o sol levanta.



Vem o sol, estremunhado,

sem capa ou outro agasalho,

lavar o rosto ensonado

em puras gotas de orvalho.



São gotas de madrugada

mitigando a sede fria

da promessa alvoroçada

do raiar dum novo dia.



São a sede mitigada

da matinal cotovia.




José-Augusto de Carvalho
5 de Fevereiro de 2014.
Évora*Portugal